Final da Copa do Brasil: Cruzeiro e Flamengo decidem o título

  • Copa do Brasil
  • Cruzeiro
  • Flamengo
Foto de Danilo Cruvinel Danilo Cruvinel4 ANOS, 2 MESES ATRÁS
2 0

A grande final da Copa do Brasil acontece hoje (27), a partir da 21h45, no Mineirão, em Belo Horizonte. Após empatarem por 1 a 1 no primeiro jogo da decisão, no Rio de Janeiro, Cruzeiro e Flamengo voltam a se enfrentar para colocar um ponto final na Copa do Brasil. Quem vencer leva o caneco pra casa. E vale lembrar que na final não há critério de desempate por gol fora de casa, ou seja, empate por qualquer placar levará a decisão para os pênaltis. 

Durante os treinos da semana, o técnico do Cruzeiro, Mano Menezes não quis confirmar o time que entra em campo, logo mais, contra o Flamengo. Entretanto, garantiu a presença de Alisson entre os titulares. O meia se recuperou de uma lesão no joelho. Apesar de não confirmar a equipe que joga, Mano Meneses terá os desfalques de Rafael Sobis (suspenso); Dedé, Judivan e Ariel Cabral (no departamento médico); além de Sassá, Digão, Messidoro e Galhardo (todos contratados após o fim do prazo de inscrição). A provável escalação do Cruzeiro deve ser: Fábio Ezequiel, Léo, Murilo Diogo Barbosa, Henrique, Hudson, Alisson, Robinho, Thiago Neves e Raniel.



Alisson está confirmado como titular no Cruzeiro. O meia se recuperou de uma lesão no joelho (Foto: Rafael Ribeiro/Light Press)


No Flamengo, o técnico Reinaldo Rueda também não quis confirmar a escalação. Porém, ele contará com o atacante Everton, que se recuperou de uma lesão grau dois na panturrilha direita. Porém, a dúvida é se o atleta vai começar a partida como titular ou no banco de reservas. Os desfalques do rubro negro são: Thiago (contundido); além de Diego Alves, Rhodolfo, Éverton Ribeiro e Geuvânio (contratados depois do prazo de inscrições para a Copa do Brasil). O Flamengo deve ir a campo com: Muralha, Pará, Réver, Juan, Renê, Cuéllar, Willian Arão, Berrío, Diego, Everton (Lucas Paquetá) e Paolo Guerrero.



Pelo lado do Flamego, Everton se recuperou de lesão na panturrilha e está a disposição de Rueda.  dúvida é se o atacante começa como titular ou no banco de reservas (Foto: André Durão)


A arbitragem da partida ficará a cargo de Luiz Flávio de Oliveira (SP), auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Danilo Ricardo Simon Manis (SP).


Retrospectiva

A 29 ª edição da Copa do Brasil teve início no dia 8 de fevereiro e até chegar ao jogo decisivo, foram realizadas 119 partidas, com 282 gols marcados. Na primeira fase, o Cruzeiro entrou em campo no dia 15 de fevereiro e venceu o Volta Redonda por 2 a 1, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ). Robinho e Alisson marcaram para o time mineiro e Higor Leite diminuiu para o Voltaço. Até então, o Flamengo disputava a Libertadores e só entrou na Copa do Brasil nas oitavas de final.

Na segunda fase, no dia 22 de fevereiro, a Raposa recebeu, no Mineirão, o São Francisco-PA e venceu por 6 a 0. Os gols foram marcados por Rafael Sobis (4), Arrascaeta e Robinho. Já na terceira fase da Copa do Brasil, os confrontos passaram a ser decididos em jogos de ida e volta. No primeiro jogo, realizado no dia 8 de março, no Estádio José Gomes, em Murici (AL), o Cruzeiro venceu o Murici por 2 a 0, com gols de Manoel e Ábila. Na partida de volta, realizada no dia 15 de março, no Mineirão, em Belo Horizonte, o time da casa voltou a vencer, dessa vez por 3 a 0, com gols de Rafael Sobis, Cláudio (contra) e Deysinho (contra).

Na quarta fase, o time celeste enfrentou o São Paulo. No primeiro jogo, realizado no dia 13 de abril, no Morumbi, na capital paulista, o Cruzeiro surpreendeu e venceu por 2 a 0, com gols de Hudson e Lucas Pratto (contra). No jogo de volta, no dia 13 de abril, no Mineirão, o São conseguiu a vitória por 2 a 1, mas o resultado não foi suficiente para eliminar a Raposa. Os gols foram marcados por Thiago Neves para o Cruzeiro e Gilberto e Luca Pratto para o tricolor paulista.

Como havia dito antes, os times que se classificaram para a Libertadores (Palmeiras, Grêmio, Botafogo, Atlético-PR, Santos, Flamengo, Chapecoense e Atlético-MG) começaram a disputar a Copa do Brasil a partir das oitavas de final. O Flamengo recebeu, no dia 10 de maio, no Maracanã, o Atlético-GO e não conseguiu sair do 0 a 0. A classificação Rubro-negra foi garantida no jogo de volta, no dia 24 de maio, no Serra Dourada, após vencer o time da casa por 2 a 1. Os gols do Flamengo foram marcados por Matheus Sávio e Paolo Guerrero e Jorginho marcou para o time goiano. Já o Cruzeiro enfrentou a Chapecoense, no dia 3 de maio, no Mineirão. Vitória por 1 a 0, com gol de Raniel. Na partida da volta, na Arena Condá, em Chapecó, as equipes não saíram do 0 a 0, confirmando a classificação da equipe mineira.



Bola da final da Copa do Brasil 2017. Cruzeiro e Flamengo decidem o campeonato a partir das 21h45 dessa quarta-feira (27) (Foto: André Durão)


Nas quartas de final, o Flamengo enfrentou o Santos e o Cruzeiro jogou contra o Palmeiras. Na primeira partida, no dia 28 de junho, realizada no Estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro, o Flamengo venceu o Santos por 2 a 0, gols de Cuéllar e Everton. No mesmo dia, o Cruzeiro foi até o Allianz Parque, abriu 3 a 0 contra o Palmeiras, mas viu o verdão reagir e conseguir sair com empate por 3 a 3. Thiago Neves, Robinho e Alisson marcaram para a raposa, e Dudu (2) e Willian marcaram para o Palmeiras. No jogo de volta, no dia 26 de julho, o Flamengo foi até a Vila Belmiro, perdeu para o Santos por 4 a 2 e só se classificou devido aos gols marcados fora de casa. Berrío e Guerrero marcaram para o rubro-negro, enquanto os gols do Santos foram marcados por Copete (2), Victor Ferraz e Bruno Henrique. No mesmo dia, no Mineirão, o Cruzeiro empatou com o Palmeiras em 1 a 1 e também se classificou graças aos gols marcados fora de casa. Gols de Diogo Barbosa para o Cruzeiro e Keno para o Palmeiras.

As semifinais reservaram grandes emoções, tanto para os rubro-negros, quanto para a raposa. O Flamengo fez o clássico carioca contra o Botafogo e no primeiro jogo, realizado no dia 16 de agosto, no Engenhão, estreou o novo técnico, Reinaldo Rueda. Entretanto, as duas equipes não saíram do 0 a 0. No jogo da volta, no dia 23 de agosto, no Maracanã, o Flamengo contou com uma jogada genial de Berrío e gol de Diego para garantir a vaga na final. Vitória por 1 a 0.

Na outra semifinal, o Cruzeiro enfrentou o Grêmio. Na primeira partida, no dia 16 de agosto, na Arena do Grêmio, o time da casa venceu por 1 a 0, com gol de Barrios. Já na partida de volta, no dia 23 de agosto, no Mineirão, o Cruzeiro devolveu o placar, com gol de Hudson, e levou a disputa para os pênaltis. Nas penalidades máximas, o time mineiro foi mais eficiente e venceu a série por 3 a 2, para carimbar a vaga na final.

No primeiro jogo da final, realizado no dia da Independência do Brasil (7 de setembro), o Flamengo recebeu o Cruzeiro, no Maracanã. A partida terminou 1 a 1, após Lucas Paquetá, em posição irregular, marcar para o rubro-negro e Arrascaeta aproveitar a falha do goleiro Thiago, em chute de Hudson, e empatar a partida para a Raposa.

Comentários

NOVOS COMENTÁRIOS

Seja o primeiro a comentar!

jogos de hoje
Nenhuma partida encontrada

:(
Não temos jogos hoje nos campeonatos que fazemos cobertura.

Ir para a Página Inicial